A falta

Se eu sinto sua falta? É claro que sim, às vezes a falta parece àquela dor de dente chata que fica latejando e te lembrando toda hora que tem alguma coisa errada.
Se eu me arrependo? Sim, me arrependo de não te falar várias coisas, de não te beijar a ultima vez que te encontrei. Me arrependo de nunca ter falado exatamente como me sentia ao teu lado, me arrependo de não ver você dormindo.
Se te quero pra sempre? É obvio que sim. Se isso não fosse realidade não estaria aqui sentada imaginando milhões de formas para dizer que eu não existo sem você. Talvez escrever isso seja uma forma de dizer que eu tentei viver sem você, mas não consigo

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s